Páginas

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Lambida da Morte


Até parece nome de filme de terror, mas não é. Veja essa manchete:

Clica aqui na imagem para ver que não estou mentindo

Ri não que é sério. Um homem foi até a 4ª DP de São José do Rio Preto e registrou queixa contra sua esposa alegando que, após uma briga, no ato da reconciliação, a acusada o convidou para praticar sexo oral (vulgo bola gato, em inglês) que prontamente a atendeu, entretanto ele não contava que a meliante (tô bom nisso...rsrs) havia lhe preparado uma surpresa.


Mesmo empolgado para se redimir da briga em grande estilo (tô inventando pra ficar melhor), o homem resolveu parar e dar uma cheiradinha no local (isso é verdade), tal qual foi sua surpresa quando ali havia um odor diferente do que o de costume, foi quando veio a grande constatação (tcharammmm): a sua amada esposa havia colocado VENENO, isso mesmo, VENENO, dentro da vagina (vulgo xereca), ou seja, o pobre homem ia morrer que nem peixe, pela boca.

Que coisa horrível né, mas pelo menos o homem não chegou a dar uma lambida no xiri assassino, e dessa história podemos tirar uma grande lição: nunca, jamais, em hipótese alguma dê uma lambida sem cheirar antes.

Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. Agora até uma lambidinha pode te levar a morte!!!!!!!!!

    ResponderExcluir

Sua opinião é o termômetro do blog e você pode ajudar a melhorá-lo. Gostou da postagem? Comente.
Por ora, estão suspensos os comentários anônimos. Para fazer um comentário, é necessário estar logado em sua conta google (hotmail, gmail, etc.).